Renault-Nissan e AvtoVAZ implementam estrutura comum de compras na Rússia

Aliança Renault-Nissan
Aliança Renault-Nissan

A Aliança Renault-Nissan e a AvtoVAZ anunciam a criação de uma estrutura comum para supervisionar as compras de Renault, Nissan e AVTOVAZ na Rússia. Esta estrutura é organizada em torno de um escopo que engloba equipamentos industriais, grupos motopropulsores (motores e caixas de câmbio) e veículos de plataformas comuns.

A empresa Common Purchasing Organization LLC (CPO) será proporcionalmente de propriedade da AvtoVAZ e da Renault-Nissan Purchasing Organization (RNPO), da qual adotará o modelo. Criada em 2001, a RNPO é a estrutura comum mais importante da Aliança Renault-Nissan, sendo responsável pelas principais contribuições em termos de novas sinergias, graças a uma política de redução de custos e limitação de despesas. A RNPO cobre 100% das compras da Renault e da Nissan no mundo.

A CPO deve permitir que os três parceiros obtenham economias significativas, aumentando os volumes de compras e obtendo melhores preços junto aos fornecedores. A empresa utilizará os métodos e procedimentos que contribuíram para a eficácia da RNPO. Em 2012, esta estrutura gerou novas sinergias da ordem de 851 milhões de euros para a Renault-Nissan, o que corresponde a aproximadamente um terço do total de sinergias originadas na Aliança.

A nova empresa representará uma posição comum da Aliança Renault-Nissan e da AvtoVAZ junto aos fornecedores em matéria de qualidade, custos e prazos de fornecimento. Ela desenvolverá relações com seus fornecedores para ampliar sua supply chain na Rússia e aumentar o índice de nacionalização. Ela também atrairá grupos internacionais para o seu painel de fornecedores, de forma a melhorar a qualidade e tecnologia utilizada pelos fornecedores de automóveis na Rússia.

A criação da CPO marca uma nova etapa na parceria estratégica firmada entre a Aliança Renault-Nissan e a AvtoVAZ em 2008, quando a Renault fez um aporte de 25% no capital da montadora de automóveis número um da Rússia. A nova organização permitirá uma colaboração mais estreita entre a AvtoVAZ e a Aliança Renault-Nissan, melhorando a competitividade da marca LADA e dos futuros veículos dos três parceiros.

Daniel Perry foi nomeado Diretor Geral da nova estrutura e ficará baseado na sede da nova empresa, na cidade russa de Togliatti, na região de Samara. Ele se reportará a um comitê de governança formado por Christian Vandenhende, Presidente da RNPO, Yasuhiro Yamauchi, Vice-Presidente da RNPO e Damir Kashapov, Vice-Presidente de Compras da AvtoVAZ.

A criação da estrutura comum de compras da Aliança Renault-Nissan e da AvtoVAZ foi aprovada pela Agência Federal Russa de luta contra o monopólio.

Sobre a Aliança Renault-Nissan

A Aliança Renault-Nissan é uma parceria estratégica formada em 1999 entre a montadora francesa Renault (com sede em Boulogne-Billancourt) e a japonesa Nissan (com sede em Yokohama). Juntas, Renault e Nissan vendem 10% dos carros comercializados em todo o mundo e, em 2012, venderam 8,1 milhões de carros em aproximadamente 200 países. A Aliança tem acordos de colaboração estratégica com várias montadoras, como a alemã Daimler e a chinesa Dong Feng, ou ainda a indiana Ashok Leyland.

Sobre a AvtoVAZ

Fabricante de veículos das marcas Lada e Nissan, a AvtoVAZ é a principal montadora de automóveis da Rússia. As operações da empresa estão concentradas em uma das maiores fábricas do mundo, em Togliatti, assim como em uma unidade situada em Ijevsk. Até 2015, devem sair das linhas de montagem da AvtoVAZ 1,4 milhão de veículos das marcas LADA, Renault e Nissan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.